Selecionador alemão desiludido com primazia da Taça da Alemanha sobre seleção feminina

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Selecionador alemão desiludido com primazia da Taça da Alemanha sobre seleção feminina
Hrubesch gostaria de ter visto a seleção alemã com transmissão televisiva
Hrubesch gostaria de ter visto a seleção alemã com transmissão televisiva
AFP
Horst Hrubesch está desapontado com o facto de o jogo da seleção alemã feminina na Liga das Nações, no País de Gales, não ser transmitido na televisão. "Teria gostado, especialmente para elas", afirmou o selecionador nacional interino, na conferência de imprensa que antecedeu o importante jogo de qualificação para os Jogos Olímpicos, que terá lugar em Swansea, esta terça-feira (18:30).

"Elas também merecem ser reconhecidos. Mas é assim que as coisas são", lamentou Horst Hrubesc, treinador de 72 anos.

O jogo internacional da Alemanha será transmitido em direto em sportschau.de e no ARD Mediathek, enquanto dois jogos dos oitavos de final da Taça da Alemanha masculina serão transmitidos no programa principal televisivo, à noite.

Siga o País de Gales-Alemanha no Flashscore

"Infelizmente, não foi possível mudar a hora do pontapé de saída", afirmou o coordenador desportivo da ARD, Axel Balkausky, quando questionado pelo SID sobre os problemas com a programação e os direitos de transmissão.

A vitória por 3-0 da seleção alemã feminina no confronto com a Dinamarca levou a ZDF ao topo da audiência (4,3 milhões/MA: 17,9%) no programa principal da noite de sexta-feira.

Uma vitória contra o País de Gales, que ocupa o último lugar da tabela, faria com que a Alemanha passasse à Final Four, para participar nos Jogos Olímpicos como vencedora do grupo. Os dois últimos bilhetes europeus para Paris-2024 serão atribuídos em fevereiro, com as equipas a serem sorteados na próxima segunda-feira.

"O último passo é sempre o mais difícil", avisou Hrubesch.

"Temos de estar a 100 por cento desde o início", alertou.

A avançada Klara Bühl prometeu uma atitude semelhante à da convincente vitória por 3-0 no confronto contra a Dinamarca, na última sexta-feira, em Rostock: "É importante que nos concentremos e entremos no jogo a todo o vapor."