Haaland critica árbitro nas redes sociais após o empate do Manchester City

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Haaland critica árbitro nas redes sociais após o empate do Manchester City
Haaland estava visivelmente irritado com a decisão do árbitro
Haaland estava visivelmente irritado com a decisão do árbitro
Profimedia
Erling Haaland enfrenta uma possível ação disciplinar depois de se ter queixado do árbitro Simon Hooper nas redes sociais após o dramático empate do Manchester City com o Tottenham (3-3) no domingo.

Recorde as principais incidências da partida

O avançado do City ficou furioso depois de o árbitro ter interrompido uma jogada dos citizens nos instantes finais de um emocionante jogo da Premier League no Estádio Etihad.

Haaland sofreu uma falta, mas rapidamente levantou-se e lançou Jack Grealish para o golo, mas o árbitro não concedeu lei da vantagem.

Haaland foi um dos vários jogadores do City a protestar com raiva contra o árbitro e continuou os seus protestos após o jogo, publicando um vídeo do incidente no X, antigo Twitter, com o comentário "WTF".

O treinador Pep Guardiola não tinha conhecimento da publicação de Haaland nas redes sociais quando falou com os jornalistas após o jogo, mas, referindo-se à reação de Haaland em campo, admitiu compreender a raiva do jogador.

"É normal", disse o treinador do City. "A reação dele foi a mesma para 10 jogadores. As regras dizem que não se pode falar com os árbitros ou com os quartos árbitros, por isso devíamos ter tido 10 jogadores expulsos hoje".

"Ele está um pouco desiludido. Até o árbitro, se jogasse hoje (ontem) pelo Man City, ficaria desiludido com aquela ação, isso é certo".