Gerrard recorda saída de Henderson do Al-Ettifaq: "Fiquei desiludido, mas tive de respeitar"

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Gerrard recorda saída de Henderson do Al-Ettifaq: "Fiquei desiludido, mas tive de respeitar"

Jordan Henderson deixou a Arábia Saudita para jogar no Ajax
Jordan Henderson deixou a Arábia Saudita para jogar no AjaxAFP
O treinador do Al-Ettifaq explicou como tentou convencer Jordan Henderson a permanecer na Arábia Saudita. No entanto, o médio inglês acabou mesmo por sair com destino ao Ajax de Amesterdão.

"Respeitei a decisão dele (Henderson) porque gosto dele como pessoa, gosto dele como jogador e tenho o maior respeito por ele. Fiquei desiludido. Qualquer treinador que perca o seu capitão durante a época não é o ideal e eu disse isso ao Jordan. Mas se alguém não está bem. Se alguém tem problemas familiares que o estão a afetar", disse Steven Gerrard, em declarações ao The Telegraph.

"Se alguém tem outros objetivos ou oportunidades, como a Inglaterra, por exemplo, tenho de respeitar e compreender isso. E é o que faço. Mas fiquei desiludido? Claro que sim. Fiquei, mas não exagerei, porque a decisão tinha de ser do Jordan", acrescentou o treinador do emblema saudita.

"Ele é um rapaz crescido e eu não queria ser alguém que, por exemplo, se o tivesse convencido a ficar e ele sentisse mais à frente que tinha sido a decisão errada, não queria ser a pessoa a quem se dissesse 'porque é que me convenceste a ficar?' A decisão tinha de ser do Jordan. Ele precisava do seu próprio tempo. O conselho que dei ao Jordan foi 'faz o que é melhor para a tua família'", rematou.

Os números de Henderson
Os números de HendersonFlashscore