Katranis deixa o Piast Gliwice e vai juntar-se ao Real Salt Lake da MLS

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Katranis deixa o Piast Gliwice e vai juntar-se ao Real Salt Lake da MLS
Katranis fez 68 jogos pelo Piast, da Polónia
Katranis fez 68 jogos pelo Piast, da Polónia
Profimedia
Desde que anunciaram uma importante entrada, também a porta de saída se abriu no Piast. Alexandros Katranis, uma peça vital no puzzle defensivo do treinador Vuković, vai mudar-se para o Real Salt Lake City, da MLS norte-americana.

Sim, o seu cartão vermelho no jogo de outono contra o LKS enfraqueceu o clube e privou-o de uma vitória, mas tais episódios durante a estadia do grego em Gliwice foram poucos e distantes entre si.

No dia a dia, Alexandros Katranis foi um dos elementos mais sólidos da equipa e um dos co-autores do menor número de golos soridos em toda a Ekstraklasa.

O lateral-esquerdo grego de 25 anos disputou 68 jogos pelo clube da Alta Silésia e, apesar de ter marcado o seu único golo na Taça da Polónia, os adeptos teriam provavelmente preferido poder vê-lo também na primavera.

No entanto, o grego escolheu as Montanhas Rochosas, nos Estados Unidos, e aceitou uma proposta do Real Salt Lake, da MLS.

O jogador vai defender as cores do clube de Utah nas próximas duas temporadas, mas o Real também garantiu a opção de renovar até 2027. E, embora os adeptos de Gliwice provavelmente não gostem, o defesa ficou feliz em escolher a América.

"Assim que soube que havia uma oportunidade de jogar numa grande liga como a MLS, com equipas e jogadores mundialmente famosos, fiquei mais do que entusiasmado", disse Katranis em declarações já no seu novo clube, acrescentando que ficou cativado pela forma como o RSL o tratou, o que facilitou a decisão.

Os números de Alexandros Katranis
Flashscore