Filipa Martins oitava nas paralelas assimétricas da Taça do Mundo de Baku

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Filipa Martins oitava nas paralelas assimétricas da Taça do Mundo de Baku

Filipa Martins oitava nas paralelas assimétricas da Taça do Mundo de Baku
Filipa Martins oitava nas paralelas assimétricas da Taça do Mundo de BakuLUSA
A ginasta olímpica portuguesa Filipa Martins conseguiu este sábado o oitavo posto na final de paralelas assimétricas da Taça do Mundo de Baku, o melhor resultado da comitiva nacional na prova.

Martins, que tinha um 21.º lugar na trave conseguido na sexta-feira, fez este sábado muito melhor com uma pontuação de 12,900 pontos, mostrando o estatuto de atleta olímpica na Taça do Mundo por aparelhos.

A vencedora foi a chinesa Qiyuan Qiu, com 14,700, à frente da italiana Giorgia Villa (14,000).

Na sexta-feira, Mafalda Costa foi 20.ª na prova de solo, conseguindo também 28.º na trave, enquanto Guilherme Campos foi 33.º em barra fixa e Marcelo Marques 55.º no cavalo com arções.