Tribunal Provincial de Luanda anula descida de divisão ao Kabuscorp do Palanca

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Tribunal Provincial de Luanda anula descida de divisão ao Kabuscorp do Palanca
Kabuscorp com pena anulada
Kabuscorp com pena anulada
Kabuscorp Sport Club do Palanca
O Tribunal Provincial de Luanda anulou a punição de descida de divisão aplicada ao Kabuscorp do Palanca, pelo conselho jurisdicional da Federação Angolana de Futebol (FPF), após medida cautelar apresentada pelo clube.

O clube angolano, que volta a competir no Girabola e Taça de Angola, deve, no prazo de trinta dias, dar entrada da ação principal no referido tribunal, sob pena de ver a decisão anulada.

A justiça angolana despenalizou, igualmente, o presidente do referido clube, Bento Kangamba, sancionado por quatro anos.

A punição aplicada, inicialmente pelo conselho de disciplina, e depois mantida pelo conselho jurisdicional do mesmo organismo, surgiu na sequência de um áudio divulgado nas redes sociais, em junho, no qual o treinador da Académica do Lobito, Agostinho Tramagal, referiu ter recebido dinheiro do Petro de Luanda e do Kabuscorp para viciar resultados, enquanto o 1.º de Agosto tentou corromper a sua equipa com sete milhões de kwanzas pela mesma razão.