Mancini com uma bola ensanguentada: o mural chocante em San Siro

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mancini com uma bola ensanguentada: o mural chocante em San Siro
O trabalho de aleXsandro Palombo
O trabalho de aleXsandro Palombo
Twitter
O antigo selecionador italiano, Roberto Mancini, bem como Bin Salman, Cristiano Ronaldo, Benzema e Neymar apareceram nas paredes da histórica bilheteira sul do Meazza, onde ontem se disputou o jogo da Liga dos Campeões, entre o AC Milan e o Newcastle.

Roberto Mancini, o novo treinador da seleção nacional da Arábia Saudita, foi imortalizado com uma bola ensanguentada numa nova série de murais do artista AleXsandro Palombo, que apareceram no estádio San Siro de Milão e noutros locais da cidade.

"Palombo criou", lê-se numa nota do artista, "obras de sensibilização que retratam algumas estrelas do futebol que decidiram emprestar os seus rostos com compromissos estelares ao reino saudita de Mohammed bin Salman, onde a situação relativa à violação dos direitos humanos é muito grave".

Roberto Mancini, Bin Salman, Ronaldo, Benzema e Neymar apareceram nas paredes da histórica bilheteira sul de San Siro, onde decorreu o jogo de ontem da Liga dos Campeões entre o AC Milan e o Newcastle, a equipa inglesa "que em outubro de 2021 foi comprada pelo Fundo de Investimento Público (PIF), o fundo soberano da Arábia Saudita controlado pelo príncipe Mohammed bin Salman, que também adquiriu 70% dos quatro grandes clubes da Pro League saudita: Al Nassr, Al Ittihad, Al Ahli e Al Hilal", pode ainda ler-se na mesma nota de AleXsandro Palombo.