Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Cássio encerra ciclo e diz adeus ao Corinthians: "Sou eternamente grato"

Cássio confirmou saída do Corinthians após 12 anos e cinco meses
Cássio confirmou saída do Corinthians após 12 anos e cinco mesesCorinthians/Divulgação/X
O guarda-redes Cássio despediu-se do Corinthians oficialmente esta sexta-feira num vídeo divulgado pelo clube nas redes sociais. Emocionado, o jogador de 36 anos encerrou seu ciclo no Timão após pouco mais de 12 anos e nove títulos. Será anunciado em breve pelo Cruzeiro, firmando um vínculo por três temporadas.

No vídeo, Cássio fez um extenso agradecimento a todos que fizeram parte de sua jornada histórica dentro do Corinthians, valorizando companheiros, técnicos, presidentes, funcionários e especialmente os adeptos do Timão. 

"Fala, torcedor corintiano. Estou aqui depois de 12 anos e cinco meses para me despedir de vocês, falar que meu ciclo neste momento está se encerrando. Venho aqui agradecer a vocês por tudo que eu vivi aqui, pelos momentos que eu vivi com essa camisa, com essa instituição que eu respeito muito. E agradecer por tudo (...) vocês estiveram junto comigo, me apoiaram, me ajudaram, me criticaram, o que faz parte do trabaho também. Mas eu saio daqui com o sentimento só de agradecer (...) foram momentos maravilhosos", disse Cássio. 

"Gostaria de agradecer a todos os presidentes, todos os treinadores, todos os jogadores, especialmente todos os funcionários que eu trabalhei aqui. Foi muito gratificante ter trabalhado com tantas pessoas maravilhosas (...) foram anos maravilhosos de convívio com pessoas que fizeram de tudo para me ajudar e eu, em contrapartida também, pude ajudar", acrescentou o atleta. 

O desgaste dos últimos meses e o desejo de novos ares motivaram a decisão do guardião de seguir para o Cruzeiro. Apesar de ter contrato até ao fim do ano, as partes decidiram pela rescisão amigável. 

Cássio deixa o Corinthians após 712 jogos. É o segundo atleta que mais vezes vestiu a camisola do clube alvinegro, ficando atrás apenas do lateral Wladimir, com 806 jogos pelo Corinthians e que, curiosamente, também trocou o clube do Parque São Jorge pelo Cruzeiro na década de 1980. 

"Nem nos meus melhores sonhos eu imaginei o que conseguiria viver aqui. Meu muito obrigado mesmo por tudo que eu vivi aqui. Sou eternamente grato por todo o carinho, por todo o respeito e por tudo que a gente viveu. Um grande abraço", encerrou o atleta.