Erik ten Hag acusa jogadores do Forest de ataques a Bruno Fernandes: "Houve muitas faltas"

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Erik ten Hag acusa jogadores do Forest de ataques a Bruno Fernandes: "Houve muitas faltas"
Bruno Fernandes tem jogado de forma condicionada
Bruno Fernandes tem jogado de forma condicionada
Profimedia
Erik ten Hag acusou o Nottingham Forest de ter deliberadamente visado Bruno Fernandes na vitória do Manchester United na quinta ronda da Taça de Inglaterra, na quarta-feira, e criticou as críticas "patéticas" ao médio.

Recorde as principais incidências

Bruno Fernandes participou na vitória do United por 0-1 no City Ground, apesar de uma "lesão grave" sofrida na derrota do fim de semana passado contra o Fulham.

O português cobrou o livre que Casemiro converteu em golo aos 89 minutos, garantindo assim a passagem aos quartos de final da Taça de Inglaterra contra o rival Liverpool.

O médio foi alvo de entradas duras de jogadores do Forest ao longo dos 90 minutos, poucos dias depois de o capitão do United ter sido alvo de piadas nas redes sociais após a sua lesão contra o Fulham, mas Ten Hag revelou que Bruno Fernandes tem jogado muitas vezes com dores, depois do tipo de entradas duras a que foi sujeito pelo Forest, que o deixou a coxear no final do jogo.

"Não quero falar sobre isso, porque se viu que o Forest o estava a atacar, por isso não sei o que ele tem, mas foi uma lesão grave. Houve muitas faltas sobre ele. Talvez eu seja um pouco duro de mais, mas quando ele tinha a bola, eles estavam mesmo em cima dele", disse o treinador dos Red Devils.

"Depois vejo que os meios de comunicação social sérios o criticam e as redes sociais são patéticas e não pode ser. Ele tem uma lesão grave, mas continuou a jogar no sábado e hoje (quarta-feira) também lutou para participar no jogo no limiar da dor", acrescentou.

"No ano passado, também fez algo semelhante contra os Spurs e isso mostra a sua liderança, porque exprime o seu caráter e isso é muito bom quando se é líder".

O Manchester United, que defronta o Manchester City na Premier League no domingo, manteve viva a sua última chance de ganhar um título esta temporada, apesar de uma exibição irregular, mas Ten Hag sabe que enfrentar o Liverpool nos quartos significa que o United está longe de ter a certeza de conquistar o segundo troféu do seu conturbado reinado de dois anos.

"Há muitas equipas boas na Premier League, o Liverpool neste momento está no topo, mas é um grande desafio e estamos ansiosos por isso", afirmou.

"Gostamos de desafios. É um grande jogo para nós. Mas, antes de mais, estamos ansiosos por domingo", completou.