Campeonatos Nacionais de voleibol passam a ser disputados por 12 equipas

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Campeonatos Nacionais de voleibol passam a ser disputados por 12 equipas

A decisão foi tomada na reunião da direção federativa de 16 de maio
A decisão foi tomada na reunião da direção federativa de 16 de maioSL Benfica
Os campeonatos nacionais de voleibol vão passar a ter 12 competidores a partir da época de 2024/2025, menos duas do que os atuais 14, anunciou a federação portuguesa da modalidade, em circular esta quarta-feira tornada pública.

A decisão foi tomada na reunião da direção federativa de 16 de maio, com a FPA a divulgá-la agora para todos os associados, clubes e demais interessadas.

Para ajustar os quadros de competição, na próxima época, 2023/2024, descem à segunda divisão, tanto em masculinos como femininos, três clubes, enquanto apenas sobe um, aquele que se vier a sagrar campeão nacional da segunda divisão.

Os campeonatos da segunda divisão também reduzem para 12 participantes, sendo que aqui há lugar a quatro descidas para duas subidas do terceiro escalão - a dos primeiros das respetivas Zona Norte e Zona Sul.