Liga Europa: Benfica tenta curar feridas dos dérbis na receção ao Marselha

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Liga Europa: Benfica tenta curar feridas dos dérbis na receção ao Marselha

Benfica defronta Marselha nos quartos da Liga Europa
Benfica defronta Marselha nos quartos da Liga EuropaAFP
O Benfica, na ressaca de dois dérbis com o Sporting com resultados muito amargos, inicia na quinta-feira a corrida às meias-finais da Liga Europa em futebol, a prova que lhe resta, no reencontro com o Marselha.

Acompanhe as incidências da partida

No espaço de cinco dias, as águias empataram 2-2 na receção aos leões e perderam por 2-1 em Alvalade, despedindo-se de Taça de Portugal e, na prática, do campeonato, pelo que já só podem voar na Europa, nos terceiros quartos consecutivos.

Depois de ter estado no top 8 da Champions em 2021/22 e 2022/23, o Benfica vai em busca da terceira presença no top 4 da Liga Europa, repetindo 2012/13 e 2013/14, épocas em que, sob o comando de Jorge Jesus, foi finalista vencido.

O onze de Roger Schmidt, que começou a época com a conquista da Supertaça (2-0 ao FC Porto), tem esse objetivo e, agora, essa prioridade, numa altura em que, no campeonato, só precisa de defender os confortáveis nove pontos de vantagem que tem para o terceiro colocado.

Acompanhe o relato no site ou na app
Acompanhe o relato no site ou na appFlashscore

Em matéria de antecedentes face ao Marselha, eles não poderiam ser mais favoráveis, já que o Benfica afastou o conjunto do sul de França nos dois duelos anteriores, graças a golos tardios de Vata, a famosa mão, nas meias-finais da Taça dos Campeões de 1989/90, e Kardec, nos oitavos da Liga Europa de 2009/10.

Na globalidade, o conjunto da Luz tem também um balanço muito favorável no confronto com gauleses, pois ultrapassou nove de 11 eliminatórias, caindo apenas duas vezes, perante Bordéus (1986/87) e, há 26 anos, face ao Bastia (1997/98).

Do seu lado, o Benfica tem ainda a invencibilidade caseira em jogos da Liga Europa (desde 2009/10), num total de 29, sendo que, pela Luz, passaram, entre outros, Liverpool, Arsenal, Tottenham, Juventus, Paris-Saint Germain e Bayer Leverkusen.

Os encarnados têm também um registo impecável em jogos da primeira mão dos quartos de final da Liga Europa, pois ganharam sempre, frente a Liverpool (2-1), PSV Eindhoven (4-1), Newcastle (3-1), AZ Alkmaar (1-0, fora) e Eintracht Frankfurt (4-2).

A formação de Roger Schmidt vai, assim, em busca do triunfo, de forma a chegar em vantagem ao Vélodrome, onde a eliminatória se decidirá em 17 de abril.

O Benfica não chega, porém, a este jogo com a moral em alta, depois de dois jogos com o Sporting em que até correspondeu a nível exibicional, mas falhou rotundamente em matéria de resultados, não conseguindo as vitórias que precisava.

A Liga Europa é a prova que sobra e pela frente os encarnados também vão apanhar uma equipa num mau momento, ‘perdida’ no oitavo lugar da Ligue 1, que não dá acesso a participar em nenhuma das três competições europeias da próxima época.

Os últimos duelos entre Marselha e Benfica
Os últimos duelos entre Marselha e BenficaFlashscore

O treinador Jean-Louis Gasset, que em 20 de fevereiro sucedeu ao italiano Gennaro Gattuso, perdeu os últimos quatro jogos, depois de ter iniciado a sua campanha no clube com cinco triunfos, incluído um 4-0 na receção ao Villarreal, em encontro da primeira mão dos oitavos de final da Liga Europa.

Em Espanha, onde chegou praticamente apurado para os quartos, o Marselha esteve a perder por 3-0, para acabar derrotado por 3-1, e, depois, somou três desaires seguidos no campeonato, face a Rennes, Paris Saint-Germain e Lille, este último na sexta-feira, fora, por 3-1.

Mesmo em branco há quatro jogos, o avançado gabonês Pierre-Emerick Aubameyang, que já logrou um hat-trick e um bis face ao Benfica, pelo Borussia Dortmund (2016/17) e o Arsenal (2020/21), respetivamente, é a maior arma dos gauleses, numa altura em que é o melhor marcador da Liga Europa (nove golos) e o quarto da Ligue 1 (11).

No que respeita aos outros duelos dos quartos, destaca-se o embate italiano entre AC Milan e Roma, com abertura em San Siro, enquanto Bayer Leverkusen (West Ham) e Liverpool (Atalanta), que começam em casa, são claros favoritos a atingir as meias.

O encontro entre o Benfica o Marselha, da primeira mão dos quartos de final da Liga Europa, realiza-se na quinta-feira, a partir das 20:00, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Programa dos quartos de final da Liga Europa:

Primeira mão

- Quinta-feira, 11 abr:

AC Milan - Roma, 20:00

Acompanhe o relato através da app ou site
Acompanhe o relato através da app ou siteFlashscore

Liverpool - Atalanta, 20:00

Acompanhe o relato através da app ou site
Acompanhe o relato através da app ou siteFlashscore

Bayer Leverkusen - West Ham, 20:00

Acompanhe o relato através da app ou site
Acompanhe o relato através da app ou siteFlashscore

Benfica - Marselha, 20:00

Segunda mão

- Quinta-feira, 18 abr:

Roma - AC Milan, 20:00

Atalanta - Liverpool, 20:00

West Ham - Bayer Leverkusen, 20:00

Marselha - Benfica, 20:00

MEIAS-FINAIS

Primeira mão

- Quinta-feira, 02 mai:

Benfica/Marselha - Atalanta/Liverpool, 20:00

Roma/AC Milan - West Ham/Bayer Leverkusen, 20:00

Segunda mão

- Quinta-feira, 09 mai:

Atalanta/Liverpool - Benfica/Marselha, 20:00

West Ham/Bayer Leverkusen - Roma/AC Milan, 20:00

FINAL

- Quarta-feira, 22 mai (em Dublin, na República da Irlanda):

Benfica/Marselha/Atalanta/Liverpool - Roma/AC Milan/West Ham/Bayer Leverkusen, 20:00