Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mick Schumacher satisfeito apesar do abandono em Le Mans

Para Mick Schumacher, a aventura em Le Mans terminou após cinco horas e meia de corrida.
Para Mick Schumacher, a aventura em Le Mans terminou após cinco horas e meia de corrida.Profimedia
A estreia de Mick Schumacher na lendária corrida de 24 horas de Le Mans terminou abruptamente ao fim de apenas cinco horas e meia - mas o piloto de 25 anos da Team Alpine continua satisfeito. "Lutámos por uma boa posição na corrida até ao fim. A minha prestação pessoal também foi muito positiva", afirmou.

O companheiro de equipa francês de Schumacher, Nicolas Lappiere, teve de estacionar o carro no 11.º lugar devido a problemas de motor. O segundo carro da Alpine já se tinha retirado mais cedo.

O filho do campeão mundial de Fórmula 1 Michael Schumacher está satisfeito com o seu desempenho pessoal. "Estou muito, muito feliz com isso", disse Mick Schumacher. Fez um total de 33 voltas e estabeleceu o melhor tempo da sua equipa de 3:30.577 minutos.

Como resultado da desistência, o trio Schumacher, Lappiere e Matthieu Vaxiviere ainda tem zero pontos após quatro das oito paragens no campeonato do mundo de resistência WEC esta época - mas Schumacher reconhece uma tendência ascendente. "Crescemos juntos como equipa", afirmou. Na sua primeira época na categoria dos hipercarros, a equipa pode agora lutar pelo hiperpólo e deixou os problemas para trás.

Apesar das dificuldades, o Diretor de Desporto Automóvel Bruno Famin quer impressionar na próxima corrida de Le Mans. "Vamos analisar as razões do problema mecânico para podermos regressar mais fortes no próximo ano", afirmou. A próxima corrida terá lugar daqui a pouco menos de um mês no Brasil. Schumacher e companhia vão disputar as seis horas de São Paulo (14 de julho) e estão de olhos postos nos seus primeiros pontos.