Pichardo vence, Tiago Pereira e Liliana Cá sétimos na Liga Diamante de atletismo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Pichardo vence, Tiago Pereira e Liliana Cá sétimos na Liga Diamante de atletismo

Pichardo vence, Tiago Pereira e Liliana Cá sétimos na Liga Diamante de atletismo
Pichardo vence, Tiago Pereira e Liliana Cá sétimos na Liga Diamante de atletismoProfimedia
O atleta português Pedro Pichardo ganhou este sábado a prova de triplo salto do meeting de Xiamen, na China, da Liga Diamante, com Tiago Pereira em sétimo, e Liliana Cá na mesma posição no lançamento do disco.

O campeão olímpico em título Pichardo começou o concurso de triplo salto com um salto de 17,38 metros, garantindo desde logo os mínimos para os Jogos Olímpicos Paris-2024, e, no último, ainda melhorou, conseguindo 17,51.

Já Tiago Pereira, conseguiu a sua melhor marca de hoje nos 16,41 metros, no terceiro salto, bem abaixo do requisito de 17,22 para marcar presença nos próximos Jogos.

Por seu turno, no lançamento do disco, Liliana Cá, também ficou no sétimo posto com um lançamento de 63,27 metros, à segunda tentativa, insuficiente para os mínimos olímpicos (64,50).

Assim, Pichardo é o único atleta que competiu a juntar-se à missão lusa para Paris2024, que conta agora com 41 atletas.

O atleta do Benfica, de 30 anos, nascido em Santiago de Cuba, vai poder defender na capital francesa o título conquistado há três anos, na edição Tóquio2020, quando 'pulou' 17,98, marca que ainda é recorde de Portugal.

Em representação da seleção lusa, Pichardo foi ainda campeão do Mundo e da Europa, em 2022, duas vezes campeão da Europa em pista coberta, em 2021 e 2023, e vice-campeão mundial em pista coberta, em 2022.

Pedro Pablo Pichardo, que representou Cuba até 2015, tem como recorde pessoal no triplo 18,08 metros, conseguidos em 28 de maio de 2015, em Havana.

Menções