De Bruyne diz que nunca pensou em abandonar a seleção da Bélgica

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mais
Publicidade
Publicidade
Publicidade
De Bruyne diz que nunca pensou em abandonar a seleção da Bélgica
De Bruyne é o novo capitão da Bélgica
De Bruyne é o novo capitão da Bélgica
AFP
O novo capitão belga, Kevin De Bruyne, disse nunca ter pensado em desistir da seleção, mesmo depois de o seu país ter falhado no Campeonato do Mundo.

"É diferente, mas eu vejo muita energia. Para muitos jovens jogadores é uma oportunidade de jogar e está na altura de a agarrarem também", disse aos jornalistas na véspera do jogo de qualificação para o Euro-2024 contra a Suécia, em Estocolmo, na sexta-feira.

"É uma sensação nova, mas ainda assim foi um choque. Metade do plantel habitual já não está cá. Mas os recém-chegados querem a sua oportunidade como nós costumávamos querer as nossas", continuou.

Questionado sobre se tinha pensado em desistir depois do Campeonato do Mundo, De Bruyne disse: "Não pensei em parar, nem sequer por um segundo, na verdade".

Sobre o facto de ser o novo capitão, De Bruyne disse que seguiria o exemplo dado por Vincent Kompany, que foi o capitão entre 2010 e 2018, e que seria frontal com os companheiros de equipa.

"Toda a gente sabe que eu não sou de rodeios, mas qualquer crítica que eu tenha é sempre com boas intenções, para ajudar todos a fazer melhor", disse. "É uma honra ser eleito capitão. Espero lançar uma boa base para o futuro. Vou tentar liderar através do exemplo. Se eu tiver de falar, falarei. Se não tiver de o fazer, então não o farei. Não quero intrometer-me. Todos se devem sentir confortáveis e, se eu puder ajudar, tentarei".

De Bruyne, que tem 97 internacionalizações, também disse que uma melhoria após o Campeonato do Mundo era necessária na Bélgica, que passou grande parte dos últimos quatro anos no topo do ranking da FIFA.

"Temos de aceitar que não fomos suficientemente bons no Catar. Como equipa, o nosso nível caiu simplesmente um pouco no último ano e meio. Esperemos que agora seja um novo começo", acrescentou.